>> Varejo

SAP Brasil lança oferta de sistema integrado para pequenos e médios varejistas

Por: Redação, ⌚ 01/09/2020 às 16h20 - Atualizado em 01/09/2020 às 16h21

Solução integra o ERP SAP Business One com o software de frente de caixa (PDV) da MarketUP e módulos desenvolvidos pela Varsis, parceiro SAP especializado em varejo


A SAP Brasil  firmou parceria com a MarketUP e Varsis para desenvolvimento de uma solução integrada que contempla tanto os processos internos de gerenciamento de um negócio quanto de vendas baseado no sistema integrado de planejamento de recursos empresariais (ERP) SAP Business One Cloud HANA com as soluções de PDV (software de frente de caixa) da MarketUP e módulos desenvolvidos pela Varsis, parceiro de implementação da SAP especializado no segmento de varejo.


A ferramenta é direcionada aos varejistas de todos os tamanhos e tem como principal diferencial a rápida implementação de uma solução modular e na nuvem com preço competitivo em comparação com os principais concorrentes. O lançamento para o mercado está previsto para o final de agosto, a tempo de preparar os varejistas para a Black Friday e o Natal.


A iniciativa traz desde o início uma vantagem que deve agradar ao mercado: o custo até 60% mais baixo do que o oferecido pelos principais concorrentes do setor, facilitando a adoção modular, de acordo com a necessidade de cada varejista. Além disso, é uma opção moderna e flexível, ao mesmo tempo ancorada em sua base na robustez e eficiência do SAP Business One, plataforma de administração integrada de todas as atividades empresariais, desde a contabilidade e CRM até a gestão da cadeia de suprimentos e compras. A solução também pode ser implementada localmente (on premise), usando a infraestrutura existente e de acordo com a necessidade do varejista.


Parceria para o desenvolvimento da melhor tecnologia


Nesta parceria, a MarketUP, por sua vez, contribui com a expertise de sua ferramenta líder no mercado nacional, hoje presente em mais de 150 mil clientes de diferentes segmentos, a partir de uma nova versão do seu software de PDV. Esse “Frente de Caixa” de última geração funciona em nuvem (ou local  na ausência de Internet), com conectividade aos diferentes canais de vendas (omnichannel), aceitando pagamentos de carteiras digitais e QR Code, estruturado para trabalhar com Big Data e gerar estatísticas em tempo real de faturamento, cliente e estoque; alta escalabilidade, facilidade de uso e baixa manutenção.


“Viemos para revolucionar o setor” diz Carlos Azevedo, CEO da MarketUP, que complementa: “As soluções tradicionais desse mercado pararam no tempo faz uns 15 anos. São caras, difíceis de usar, e não se conectam a nada, além de um serviço de atendimento que deixa a desejar. Pergunte para um varejo se ele está satisfeito com o PDV e a resposta será uma longa lista de reclamações. Queremos mudar esse cenário e encontramos na SAP Business One e Varsis os parceiros perfeitos para isso.”


Já a Varsis traz o conhecimento de um time que trabalha com o varejo há mais de 30 anos e após analisar as soluções disponíveis no segmento de gestão de redes varejistas identificou um espaço para inovar e lançar uma nova ferramenta, com tecnologia SAP, que atenda o status atual das redes que cresceram vigorosamente dando espaço para um produto mais robusto e tecnologicamente mais avançado. Por isso, colabora para esse ERP completo,  com módulos financeiro, comercial, lojas, logística e vendas omnichannel, com muitas inovações, especialmente, em negociação com fornecedores, reposição mais otimizada, colaboração com fornecedores, pricing e procurement, sem falar na solidez da solução SAP nos módulos contábeis e financeiros baseados na plataforma SAP HANA.


Para Paulo Saad, fundador da Varsis: “Esse conjunto que estamos oferecendo ao mercado será por muito tempo a melhor oferta disponível para o segmento varejista, pois estará agregando o que há de melhor e mais inovador em áreas tanto no back-office quando no software de PDV, iniciando uma profissionalização do setor que seja acessível para empresas de todos os tamanhos e localidades. Dessa forma, as redes nacionais poderão acompanhar muito da evolução que já acontece mundo afora”.

>> Panorama