>> Varejo

Riachuelo sustenta crescimento nos canais digitais no 2T20

Por: Redação, ⌚ 11/08/2020 às 15h22 - Atualizado em 11/08/2020 às 15h22

Vendas online mostraram sustentação ao longo do segundo trimestre com quase metade do volume de mercadorias. No período, a companhia gerou o montante de R$227,5 milhões de caixa operacional


Para atravessar o período desafiador do mercado devido aos impactos da pandemia, o Grupo Guararapes concentrou seus esforços na melhoria da experiência do cliente. O resultado foi um crescimento significativo nos canais digitais mesmo após a reabertura gradual das lojas físicas, com uma representatividade de 46,1% das vendas totais de mercadorias no 2T20.


Para atingir esse patamar e seguir avançando na operação multicanal, a companhia concluiu a integração sistêmica de 100% dos estoques (Ship from Store). Em fase de implementação, a solução aumenta a disponibilidade e otimização das vendas online com o apoio das lojas físicas, que funcionam como hub logístico avançado. As vendas pelo WhatsApp e pelo Drive-Thru, presente em 100% do parque de lojas, também contribuíram para o resultado.


A otimização de despesas também foi destaque no período, em um momento em que a companhia mantém importantes investimentos estruturais em transformação digital. No segundo trimestre de 2020 as despesas operacionais decresceram 33% na comparação com mesmo período de 2019, somado à geração de caixa operacional de R$227,5 milhões. A receita líquida consolidada totalizou R$885,8 milhões no 2T20, 52,4% menor que os R$1.860,7 milhões apurados no mesmo período de 2019.


Presença digital


A Riachuelo reforçou sua presença em diferentes plataformas e formatos de aderência do público. No período, a marca esteve em 46 lives com diversos artistas brasileiros dos mais variados estilos, sendo duas delas rankeadas entre as “top 5 lives mais vistas no mundo”. A empresa também ajustou o processo logístico e atendimento ao cliente no pós-venda para atender ao forte crescimento do e-commerce no período.


No segundo trimestre de 2020, a Riachuelo aumentou em 65% o tráfego no site da marca no comparativo com mesmo período do ano anterior, chegando a mais de 27 milhões de visitas e se mantendo na liderança frente a concorrência, conforme dados do Similarweb.


Desempenho da operação financeira


Em linha com o plano de negócios da companhia, os resultados do 2T20 foram ancorados em quatro vertentes: estratégia de recebimento, digitalização dos pagamentos, gestão orientada a dados (inteligência artificial) e remodelação de políticas.


O resultado foi uma menor preocupação com inadimplência futura e uma carteira de clientes remanescentes mais saudável. Revisão de taxas, campanhas e incentivos para recebimento pontual foram algumas das ações implementadas com o objetivo de alcançar melhores níveis de arrecadação. Desta forma, a companhia dobrou a quantidade de modelos e segmentações utilizados no ciclo de crédito e cobrança por meio de inteligência artificial, conseguindo aumentar em 59% seu índice de recebimento nas faixas de atraso superiores a 360 dias.


O Cartão Riachuelo encerrou o segundo trimestre de 2020 com ticket médio de R$204, valor 8% acima dos R$189 registrados no mesmo período do ano anterior. A receita da operação financeira totalizou R$541,4 milhões no 2T20, 12,7% menor que os R$619,9 milhões registrados no 2T19.


Seguindo a direção de tornar a Midway uma ampla e flexível plataforma digital de serviços financeiros, o Grupo Guararapes anunciou em julho a decisão de suspender o requerimento junto ao Banco Central para transformar a Midway Financeira em banco múltiplo e informou que submeterá ao órgão pedido de autorização para oferecer contas digitais em seu portfólio, por meio de uma estrutura mais ágil e otimizada, com foco nos serviços ao cliente.


Investimentos


Com um patamar de investimento crescente mesmo em um cenário economicamente adverso no país, os investimentos do Grupo em ativos fixos subiram para R$160 milhões no semestre, ante R$146 milhões relativos ao mesmo período de 2019. Destes, R$142,8 milhões (89%) foram destinados à Riachuelo e Midway, sendo R$103 milhões para infraestrutura de TI, R$12,8 milhões alocados em lojas novas e R$ 8,8 milhões direcionados para o E-commerce.


Alinhado à visão de negócio sem fronteiras, a companhia mantém para 2020 o início das parcerias com varejistas e indústrias para o seu Marketplace. O lançamento faz parte da estratégia de construção da plataforma de moda e lifestyle baseada na boa capacidade de gestão de marcas do grupo.

>> Panorama