>> Mercado

Tenda Atacado suporta mais de 4,5 milhões de transações por dia

Por: Redação, ⌚ 09/10/2020 às 15h34 - Atualizado em 09/10/2020 às 15h34

Com apoio da Claranet CorpFlex, empresa conseguiu sustentar os picos de compras durante os dias de alto movimento na pandemia


Apesar da pandemia ter abalado diversos setores da economia, o segmento atacadista alimentar foi um dos que mais cresceu nos últimos meses. O Tenda, uma das principais referências desse setor, realiza hoje mais de 4,5 milhões de transações por dia em suas 36 lojas do Brasil e 4 na Angola. Nesse cenário, todo o suporte tecnológico para sustentar a operação é provido pela Claranet CorpFlex.


Como parceira tecnológica, a multinacional de TI viabiliza o funcionamento da infra-estrutura, que diariamente realiza operações como transações comerciais, lançamento de cupons fiscais e controles de estoque em um segmento de mercado essencial e dinâmico como o alimentar. No dia a dia da operação, a tecnologia em nuvem ajuda na estabilidade do banco de dados, fazendo com que a empresa tenha continuidade dos negócios, sem falhas na disponibilidade do sistema, que opera 24 horas.


“Encontrar esse parceiro foi como ter um pai e uma mãe, que dão todo o suporte para que o filho possa crescer e se desenvolver. Caso não tivesse o aparato da equipe de tecnologia de um parceiro, precisaria disponibilizar três turnos de profissionais dedicados à área, o que ainda assim poderia não garantir a mesma qualidade que encontro hoje na Claranet CorpFlex” aponta Pedro Olavo Filho, sócio-fundador e CIO do Tenda Atacado.


De acordo com Marcos Andrade, CMO da Claranet CorpFlex, a arquitetura desenhada para atender a necessidade tecnológica do Tenda Atacado é 100% pensada pela necessidade de funcionamento sem pausas, considerando que existem operações fora do Brasil também.


Além das lojas físicas, o Tenda conta com as vendas no comércio eletrônico, que visa atender o novo comportamento do consumidor que viu mais de perto na pandemia a opção de comprar sem sair de casa. “Queremos estar em dia com a transformação digital e o e-commerce é um facilitador nesse processo. Os consumidores já podem comprar on-line, com opção de receber a compra em suas residências ou retirar na loja em 24 municípios paulistas”, conclui Pedro.

>> Panorama