>> Finanças

App Itaú disponibiliza desbloqueio de iToken por reconhecimento facial

Por: Redação, ⌚ 16/04/2021 às 16h57 - Atualizado em 16/04/2021 às 16h57

Com nova tecnologia, cliente pode fazer o procedimento diretamente no celular, sem ter que se deslocar até um caixa eletrônico


O Itaú Unibanco acaba de integrar ao seu aplicativo uma nova tecnologia de reconhecimento facial para habilitação do iToken. Até então, os clientes que precisassem reinstalar o app – por conta de troca de celular, por exemplo – precisavam se deslocar até o caixa eletrônico para habilitar o dispositivo. Essa tecnologia está sendo disponibilizada gradativamente para usuários iOS e Android.


“Atualmente, são mais de 15 milhões de pessoas utilizando os canais digitais do Itaú Unibanco e, do ano passado para cá, vimos esse número aumentar a uma velocidade surpreendente. São clientes com os mais diferentes perfis e hábitos de comportamento, mas com um anseio em comum: aproveitar a liberdade e comodidade que o ambiente digital oferece”, afirma Renato Mansur, diretor de Canais Digitais no Itaú Unibanco.


Neste momento, a tecnologia está habilitada apenas para desbloqueio de iToken, mas será expandido para outras funcionalidades dentro do app. 


Para habilitar o iToken por reconhecimento facial:  


1) Abra o app Itaú e clique no ícone do iToken, na parte inferior da tela.  


2) A habilitação do iToken por reconhecimento facial será a primeira opção disponível; siga as orientações apresentadas para ativar a função e fazer captura da foto.


3) Para a captura da imagem, o ambiente deve estar iluminado; o rosto, visível por completo, sem acessórios como óculos ou boné; e a câmera do celular, posicionada na altura dos olhos.   


4) Após a captura da foto, uma mensagem confirmará se o reconhecimento facial foi bem-sucedido ou não.  


5) Caso o celular não capture a foto ou o cliente não consiga finalizar o processo pelo app Itaú, poderá concluir o fluxo de habilitação via caixa eletrônico, que continua disponível para essa função.    


“A facilidade oferecida pelo iToken por reconhecimento facial reflete a nossa busca por levar aos clientes soluções que entregam maior conveniência, sem deixar de lado as rigorosas diretrizes de segurança, já que essa é uma prática que nossos clientes esperam e reconhecem no Itaú”, afirma Adriano Volpini, diretor de Segurança Corporativa do Itaú Unibanco.

>> Panorama