>> Destaque - Serviços

Lwart aposta em migração para aumentar eficiência da operação de TI

Por: Redação, ⌚ 01/06/2022 às 12h27 - Atualizado em 03/06/2022 às 12h52

Além disso, empresa irá obter uma extensão do investimento em relação ao seu ERP atual, otimizando recursos como tempo, pessoas e dinheiro com uma melhor qualidade de atendimento, e se antecipando ainda às suas entregas fiscais, legais e regulatórias


A Rimini Street anuncia que a Lwart Soluções Ambientais, líder nacional e referência mundial na produção de óleo básico a partir de óleo lubrificante usado e contaminado, mudou para a Rimini Street o suporte ao SAP ECC 6. 


Ao migrar para o suporte independente, a empresa aumentou a eficiência do seu ambiente de TI, obtendo uma extensão do investimento em relação ao seu ERP atual, otimizando recursos como tempo, pessoas e dinheiro com uma melhor qualidade de atendimento, e se antecipando ainda às suas entregas fiscais, legais e regulatórias, que agora estão incluídas no contrato sem custos adicionais, como Reinf, Pix e nota fiscal eletrônica – projetos que trouxeram melhorias e economias significativas para a companhia. 


“A parceria melhora ainda mais a eficiência da nossa operação e consegue nos empoderar para construir um roadmap orientado ao negócio para o médio e longo prazo. Os engenheiros são de altíssimo nível, o atendimento sempre muito eficiente e o tempo ágil de resposta foram questões-chave que nos fizeram optar pelo suporte independente”, diz Jefferson Andriotti, CIO da Lwart Soluções Ambientais.


“Em relação à qualidade dos serviços, passamos a abrir mais tickets, todos respondidos de modo muito rápido e dinâmico. Isso traz eficiência no andamento dos processos e agiliza a área de TI, aumentando a produtividade”, completa Andriotti.    


Estratégia de TI orientada ao negócio


A Lwart Soluções Ambientais é a única produtora da América Latina de óleos básicos de alta performance, Grupo II, a partir de óleo lubrificante usado ou contaminado.


Além da logística reversa do óleo lubrificante usado, desde 2020, vem expandindo sua capilaridade para o segmento de gestão de resíduos sólidos industriais, comerciais e pós consumo. Atualmente, soma mais de 1.000 funcionários, divididos em 18 centros de coleta ao redor do país, uma planta de rerrefino em Lençóis Paulista/SP e uma planta especializada em resíduos sólidos, na cidade de Piracicaba/SP.


O roadmap de inovação da companhia contempla investimentos em segurança da informação e em RPA para melhorar a parte de cadastro dos fornecedores, gerando assim mais confiabilidade. “Todas as melhorias são estrategicamente estudadas, indispensáveis para manter o negócio saudável e sustentável. Não alocamos recursos sem ter o ROI bem definido”, explica Andriotti. 


Entendendo que a TI deve ser uma facilitadora para impulsionar o crescimento dos negócios, a área de tecnologia da Lwart, que responde diretamente para a presidência, iniciou um projeto para definir o futuro do seu ERP, tendo como uma das opções oferecidas pelo fabricante implementar uma nova versão do sistema, o que consideraram um movimento arriscado, lento e extremamente dispendioso.


A outra alternativa era maximizar os investimentos já feitos na versão atual do ERP, uma vez que o mesmo foi implementado em 2016 e está muito estável. Após uma pesquisa de mercado, a Lwart conheceu a Rimini Street e a liderança de TI da companhia chegou à conclusão de que com o serviço de suporte independente – abrangente, rápido, seguro e com alto nível de excelência – oferecido pela Rimini Street, poderia dar continuidade à sustentação de seu ERP no longo prazo, otimizando ainda recursos no back office e podendo focar em seus projetos de inovação orientados pelas demandas de transformação das áreas de negócios.


“Em uma grande empresa como essa, a tecnologia deve funcionar perfeitamente e dar todo o respaldo possível para que os processos ocorram sem falhas. Para nós, da Rimini Street, é uma honra ser parceiro de empresas tão importantes como a Lwart, que são cruciais também para a economia do País”, finaliza Edenize Maron, gerente geral da Rimini Street para a América Latina.

>> Destaques