>> Saúde

Realidade Virtual chega a pacientes da Oncoamigo

Projeto Alegria Virtual utiliza a tecnologia como uma ferramenta terapêutica para alegrar a vida de crianças e adultos que estão em tratamento contra o câncer

Por: Redação, ⌚ 09/08/2018 às 17h41 - Atualizado em 09/08/2018 às 17h41

Desde junho, o Projeto Alegria Virtual vem realizando ativações de Realidade Virtual (VR) em clínicas e hospitais para pessoas que possuem doenças graves e estão em tratamento contínuo. A iniciativa é promovida pela Casa Mais e levará VR para pacientes que estão em tratamento contra o câncer na Associação Beneficente Oncoamigo. Também serão doados cinco óculos VR para a instituição.

 

Os pacientes utilizam headsets devidamente higienizados. Ao colocá-los, eles podem desfrutar de vídeos realistas e sentir a sensação de andar de montanha russa, nadar em um oceano aberto repleto de peixes, esquiar sobre a neve ou ainda conhecer novos mundos proporcionados pela tecnologia.

 

A VR serve como ferramenta terapêutica, transformando ambientes tristes em alegres, oferecendo melhor qualidade de vida, mais conforto e amenizando a dor e a ansiedade de pacientes, de modo a encorajá-los, durante seus exames e tratamentos.

 

Nos Estados Unidos, a prática já tem sido bastante utilizada pelas instituições de saúde. Alguns estudos-piloto utilizam o VR como ferramenta psicológica para acalmar o sistema nervoso. Os resultados indicam que a tecnologia pode ajudar a reduzir até 25% da dor e 31% da ansiedade.

 

“Quando mais a pessoa se concentra na dor, pior ela se sente. Ocupar o cérebro com uma sobrecarga sensorial (com uma imersão em um mundo virtual, por exemplo) ilude a capacidade para processar a dor, de estar consciente dela, gerando alívio aos pacientes”, explica Fabio Costa, idealizador do projeto.

 

A abordagem é nova e experimental no Brasil. Muitas vezes, é o primeiro contato das pessoas com a tecnologia. “O fato de frequentar o ambiente hospitalar pode parecer muito chato e desanimador para os pacientes. A Realidade Virtual pode restaurar em cada um dos participantes o prazer por viver e a coragem para vencer qualquer enfermidade”, explica Costa.

 

A Oncoamigo trabalha em diferentes abordagens de temas ligados ao paciente e ao câncer, realizando o acolhimento de pacientes encaminhados por hospitais públicos, credenciamento aos benefícios sociais ofertados pela instituição, encaminhamentos para atendimento na rede pública de saúde e orientação para obtenção de recursos públicos e/ou comunitários.

 

>> Panorama