>> Mercado

TOTVS capta mais de R$ 1 bi com oferta subsequente de ações primária

Oferta total captou 35% mais do que a oferta base

Por: Redação, ⌚ 30/05/2019 às 17h37 - Atualizado em 30/05/2019 às 17h37

A TOTVS captou R$ 1,06 bilhão durante follow-on (oferta subsequente), sendo 20 milhões de ações na oferta base e mais 7 milhões no chamado “hot issue”, realizado na última semana. A oferta subsequente faz parte da estratégia da companhia de acelerar o crescimento dos negócios, a partir de investimentos em soluções próprias, parcerias e aquisições.

 

“Acreditamos em nosso plano de negócios e conseguimos demonstrar ao mercado que temos estratégias sólidas para colocá-lo em prática. Mesmo diante de um cenário econômico ainda em recuperação, a TOTVS está pronta para fazer os investimentos necessários e acelerar o crescimento de suas receitas”, afirma Dennis Herszkowicz, presidente da TOTVS. “E os resultados do follow-on reforçam essa confiança dos investidores e do mercado de que estamos no caminho correto”, acrescenta.

 

No primeiro trimestre de 2019, a TOTVS registrou uma Receita Líquida de R$ 563,5 milhões e Receita Recorrente recorde de R$ 416 milhões, o que representou um incremento de 10% na comparação ano-a-ano. Ainda no período, a companhia melhorou sua Taxa de Renovação de clientes, que chegou a 98,1%, reforçando assim a sustentabilidade do negócio em longo prazo.

 

“O resultado no primeiro trimestre demonstra ao mercado a solidez do nosso plano, que combina aceleração dos chamado “Core”, representado pelos ERPs, soluções de RH e as ofertas segmentadas, através de melhoria da eficiência operacional e da qualidade e satisfação dos clientes, além da entrada em Novos Mercados, que aumentam nosso mercado endereçável”, destaca Herszkowicz.

 

Um dos principais pilares de crescimento da companhia é a recém-criada divisão de TECHFIN, por meio da qual a TOTVS passa a fornecer soluções tecnológicas voltadas a simplificar, ampliar e baratear o acesso dos clientes a serviços financeiros e ao crédito. A primeira iniciativa da área foi uma parceria com a REDE para oferecer às pequenas e médias empresas soluções de adquirência e antecipação de recebíveis.

>> Panorama