>> Mercado

GeneXus atualiza plataforma de desenvolvimento

Nova versão da ferramenta de criação de softwares baseada em Inteligência Artificial prioriza a multiexperiência e a omnicanalidade

Por: Redação, ⌚ 24/09/2018 às 17h57 - Atualizado em 24/09/2018 às 17h57

A GeneXus acaba de liberar a versão 16 da sua plataforma de desenvolvimento de softwares baseada em Inteligência Artificial. O lançamento foi anunciado hoje durante o GX28, encontro que acontece em Montevidéu, no Uruguai.

 

Segundo Nicolás Jodal, CEO da GeneXus, o lançamento está alinhado com o tema do evento “The Power of doing”. O GeneXus 16 é uma versão baseada na multiexperiência e se adapta ao panorama de mudanças, nos quais as coordenadas não são apenas criadas por sites e aplicações.

 

Atualmente, a indústria de software constrói suas soluções para um universo de experiências centradas no usuário que, por sua vez, utiliza vários dispositivos.

 

A interação com aplicativos móveis ou web tradicionais se somam aos chatbots, ao acesso por wearables, TV, voz e realidade aumentada, entre outras novas interações. É por isso que o GeneXus 16 está focado na multiexperiência, para dar ao desenvolvedor um conjunto de ferramentas e processos que simplificam a criação e manutenção de software.

 

Com o GeneXus 16, o desenvolvedor de software pode se adaptar a essa nova realidade e criar aplicações multiplataforma que funcionam perfeitamente em vários cenários entre dispositivos, situações e integrações.

 

A multiexperiência e a omnicanalidade marcam a nova versão do GeneXus 16. A possibilidade de escrever Design Systems é uma das principais características de GeneXus 16, alinhando sistemas de design – para aumentar a produtividade e melhorar o trabalho – e o diálogo entre designers e desenvolvedores.

 

A experiência do usuário é outro tema que foi reforçado com a adição de recursos que melhoram substancialmente a experiência, como por exemplo, a interface de conversação do usuário, que foi simplificada com a modelagem de chatbots, interfaces híbridas e assistentes virtuais, entre outros desenvolvimentos que são canais de comunicação atualmente crucial entre clientes e empresas.

 

No que diz respeito aos serviços de aprendizagem cognitivas e máquinas, o GeneXus 16 é integrado com os serviços de Inteligência Artificial e Internet das Coisas (do Inglês, IOT) dos fornecedores mais importantes no mercado de IA, como IBM Watson, Microsoft Azure Cognitive Services e SAP Leonardo Machine Learning Foundation. O Amazon Machine Learning e o Google Cloud AI serão incluídos em breve.

 

As plataformas de pagamento mais populares em todo o mundo também estão integradas à nova versão. WeChat Pay, Ali Pay e Stripe se somam como potenciais fornecedores de duas plataformas de pagamento que já trabalham com GeneXus: Paypal e Mercado Pago.

 

Os desenvolvedores GeneXus também podem consumir serviços automaticamente com o protocolo OData. Isso significa que eles podem interoperar com qualquer sistema que exibe e consome serviços OData, como ERP, CRM, business hubs e bases de dados ainda não relacionais.

 

Em relação à integração com a nuvem, destaca-se que todos os grandes fornecedores estão incluídos em GeneXus 16. No âmbito da segurança, há um crescente nível de complexidade na criação de soluções de software que tem aumentado os riscos relacionados com os sistemas de segurança, portanto, com o GeneXus 16 se trabalhou para automatizar a geração de sistemas que seguem os mais rigorosos padrões de qualidade e segurança.

 

Como o software tem transformado muitos processos, as formas de criação de aplicativos também mudaram, dissipando as fronteiras entre desenvolvimento e operações. O GeneXus 16 combina Inteligência Artificial e DevOps, permitindo monitorar e automatizar processos de desenvolvimento.

 

Para funcionar com precisão no grande mercado chinês, a última versão do GeneXus se adapta de forma inteligente às necessidades. Ele contém o núcleo em língua chinesa e integra fornecedores de tecnologia que os desenvolvedores precisam para construir aplicações deste país: Jpush para as notificações, Ali Pay e We Chat Pay para suportar pagamentos e incorpora AutoNavi, como o Baidu Maps, para serviços de mapeamento.

 

Os novos geradores para chatbots e .NetCore incluídos nesta nova versão acompanham a mudança para novas plataformas. Também adiciona geradores para watchOS e tvOS permitindo o acesso às soluções geradas a partir do iWatch e o living de sua casa. Incorpora ainda suporte para XCode 10 e iOS 12 e, com isso, a geração automática de código para os mais recentes sistemas operacionais e dispositivos Apple lançados recentemente.

 

“Sabemos que, ao criar um software, nos encontramos em um universo complexo, com processos impossíveis de serem executados manualmente em tempos razoáveis. O GeneXus 16 é a resposta para essa necessidade de produtividade que ajuda a integrar novas soluções e, acima de tudo, para se manter e permanecer à prova do futuro, mais além das tecnologias do momento”, finaliza Ricardo Recchi, country manager da GeneXus Brasil.

 

>> Panorama