>> Mercado

Cisco destina US$ 225 milhões para a resposta global à COVID-19

Cisco está destinando US$ 225 milhões em dinheiro, produtos e doações para apoiar a resposta global e local à COVID-19

Por: Redação, ⌚ 24/03/2020 às 17h18 - Atualizado em 27/03/2020 às 17h50

Nosso mundo está mudando dia a dia, trazendo um enorme impacto para empresas, governos, famílias e indivíduos. Estamos vivendo um momento dinâmico e intenso com a pandemia de Coronavírus-19 (COVID-19), e continuamos a ajudar todos os nossos stakeholders a superar essas dificuldades, como sempre fazemos.

 

Na semana passada, compartilhei nosso compromisso de ajudar nossos clientes, parceiros e pessoas em todo mundo  a fazerem uso da tecnologia neste momento de transformação maciça e repentina. Desde então, muita coisa mudou. Muitos de nós estamos nos adaptando ao trabalho em casa e ao distanciamento social, enquanto todos estão trabalhando para entender essa nova realidade. Com tudo isso, uma coisa ficou clara – a Cisco deve e fará ainda mais para ajudar ao mundo a responder a essa pandemia global.

 

Muitas pessoas em nossas comunidades já estavam enfrentando dificuldades diante dessa trágica pandemia. As pessoas que já estavam vulneráveis ​​enfrentam ainda mais riscos à sua saúde, estabilidade, moradia e bem-estar. As organizações sem fins lucrativos estão, igualmente, tendo dificuldade para atender suas populações, pois o número de voluntários diminuiu devido a práticas de distanciamento social e as doações estão em risco devido às preocupações financeiras.

 

É por isso que a Cisco está destinando US$ 225 milhões em dinheiro, produtos e doações para apoiar a resposta global e local à COVID-19. Além disso, estamos convocando nossos 77.000 empregados e os incentivando a fazerem doações para ajudar nossas comunidades, em especial aquelas que estão na linha de frente do gerenciamento desta situação, para que possam reforçar suas operações neste momento de necessidade.

 

Apoiando os esforços globais

 

Como parte de nosso compromisso, estamos alocando US$ 8 milhões em dinheiro e US$ 210 milhões em produto à resposta global ao coronavírus. Estamos focando esses recursos para apoiar a saúde e educação, a resposta governamental e a tecnologia crítica. Parte disso será destinado ao Fundo de Resposta de Solidariedade COVID-19 da Fundação das Nações Unidas, apoiando os esforços mundiais da Organização Mundial da Saúde (OMS) para prevenção, detectão e gerenciamento  da propagação de COVID-19.

 

Por meio do nosso programa Country Digital Acceleration (CDA), estamos fornecendo fundos para chefes de estado, agências governamentais e empresas para implementação rápida de soluções tecnológicas relacionadas à COVID-19. Também estamos capacitando aqueles que estão na linha de frente desta situação, com acesso às nossas tecnologias críticas, com nossas ofertas gratuitas de Webex e Segurança. Até o momento estamos ajudando a proteger mais de 2,2 milhões de pessoas on-line, e o Webex tem facilitado reuniões virtuais para os governos francês, canadense, alemão, colombiano e outros ao redor do mundo.

 

Apoio às organizações sem fins lucrativos

 

Tenho orgulho em dizer que milhares de funcionários da Cisco em 180 países estão focados em ajudar da maneira possível. Temos visto uma grande quantidade de colaboradores se esforçando para contribuir com as organizações sem fins lucrativos que ajudam suas comunidades nos últimos meses. Para apoiar isso, a Cisco Foundation lançou uma campanha alocando até US$ 5 milhões em ajudas e fundos correspondentes para que isso aconteça.

 

Também estabelecemos vários fundos para apoiar uma série de organizações não-governamentais na APJC (países da Ásia Pacífico, Japão e China), EMEAR (Europa, Oriente Médio, África e Rússia), Américas e na área da baía de São Francisco. Além disso, estamos lançando, esta semana, uma campanha de 72 horas para doações de empregados, chamada “Let’s Give Together”, para incentivar doações a esses fundos e ver quanto podemos arrecadar em poucos dias. Estou muito empolgado ao ver nossas equipes trabalharem virtualmente para apoiar essas causas. Dada à dinâmica dessa situação, a Cisco Foundation também disponibilizará doações adicionais para apoiar outras organizações sem fins lucrativos nas próximas semanas.

 

Trabalhando juntos no Vale do Silício

 

Em nossa própria matriz, estamos trabalhando em estreita colaboração com a Silicon Valley Community Foundation, Destination: Home, Second Harvest e líderes de várias empresas de tecnologia. Fiquei comovido ao ver mais de 30 CEOs se reunindo na semana passada e prometendo apoio a essas e outras organizações em nossa área nos próximos dias e semanas.

 

Atestando a rapidez com que as empresas do Vale do Silício podem se unir para enfrentar esses desafios, a Cisco e várias outras empresas anunciarão um programa de assistência financeira de vários milhões de dólares para pessoas em risco. Com o apoio da supervisora ​​do condado de Santa Clara, Cindy Chavez, do prefeito de San Jose, Sam Liccardo, e CEO da Destination:Home,  Jen Loving, poderemos apoiar rapidamente pessoas de baixa renda durante esse período.

 

O caminho a seguir

 

Juntos, enquanto traçamos nosso caminho, tenho certeza de que nosso pessoal continuará fazendo o que é certo para o mundo. Nas últimas semanas fiquei incrivelmente inspirado pela maneira como vi as pessoas se unirem, dentro e fora da Cisco, e isso me dá uma tremenda esperança. Continuaremos a monitorar o impacto da COVID-19 em nossos colaboradores, clientes, parceiros e comunidades, e avaliaremos outras maneiras de ajuda na medida em que as coisas evoluírem. Embora nosso mundo seja diferente à medida que avançamos no futuro, é importante que continuemos focados em causar um impacto positivo de todas as formas possíveis.

 

*Por Chuck Robbins, CEO global da Cisco

>> Panorama