>> Finanças

Banco Guayaquil revoluciona o setor financeiro com rede Blockchain

A solução beneficia todos os clientes bancários que usam seu programa de pontos no Equador

Por: Redação, ⌚ 21/02/2020 às 15h55 - Atualizado em 21/02/2020 às 15h55

O Banco Guayaquil e a IBM anunciaram uma solução para o setor financeiro no Equador, construída na plataforma IBM Blockchain, que permite aos clientes do banco trocar pontos por voos, reservas de hotéis, veículos e compras de outros produtos através da rede. O programa já está disponível para todos os clientes do Banco, que, acessando o site, podem usufruir desses benefícios.

 

A solução de blockchain busca fornecer aos clientes dos bancos mais facilidades, criando uma rede de transações que permite o registro em tempo real de todas as trocas de pontos em seu programa de fidelidade, com uma fonte exclusiva de informações digitais, tanto para empresas que oferecem os benefícios, como para os clientes finais.

 

“Nossos clientes estão cada vez mais usando ferramentas digitais, como o nosso banco virtual e aplicativo para transações bancárias”, diz Juan Luis Reca, vice-presidente de tecnologia do Banco Guayaquil. “A incorporação do blockchain ao nosso programa de pontos digitais garante que, toda vez que uma transação seja feita, os pontos sejam registrados para consumo e não haja dúvidas para o cliente ou para os membros dos estabelecimentos da rede sobre as trocas realizadas. A rede permite que todos tenham conhecimento das informações em tempo real, digitalmente e documentadas pelo blockchain”.

 

YouTravel – agência de viagens focada em voos, hotéis, carros e pacotes turísticos – e Promotic – empresa de comércio eletrônico – são algumas das empresas que já fazem parte do programa e cujos produtos podem ser trocados por pontos pelos clientes do Banco Guayaquil. Cada troca de pontos é armazenada digitalmente na rede e, o Banco Guayaquil, assim como as empresas associadas, podem acessar as informações em tempo real e monitorar quantos pontos foram trocados, quantos pontos cada cliente tem ainda, qual foi a empresa que trocou os pontos, entre outros.

 

“O Banco Guayaquil realiza milhares de transações por dia. Com a tecnologia blockchain da IBM baseada no IBM Public Cloud, o banco pretende trabalhar com o ecossistema de varejo no Equador e criar um programa de pontos digitais em todo o país”, diz Daniel Juarez Dappe, gerente de nuvem e cognitive da IBM Equador. “A solução foi projetada para ajudar a reduzir fraudes, erros e a demora de cada transação de troca de pontos, além de melhorar o gerenciamento de transações, reduzindo custos”.

 

O trabalho entre o Banco Guayaquil e a IBM foi realizado por meio da IBM Garage, uma experiência de cocriação que ajuda empresas de todos os setores e tamanhos a identificar problemas de negócios, bem como a melhor solução tecnológica que pode ajudar a resolvê-los. A metodologia IBM Garage impulsiona a inovação através do uso da cloud pública da IBM, uma plataforma em nuvem com mais de 130 serviços, como inteligência artificial, Internet das Coisas, blockchain, computação quântica e DevOps.

 

>> Panorama