>> Destaque - Mercado

GX29 Builders discute tecnologia do futuro, softwares do presente e inovação

A 29ª edição do encontro anual da GeneXus fomenta conhecimento sobre o desenvolvimento de software e dos negócios. Um dos palestrantes em destaque é Bibop G. Gresta, do inovador projeto de transporte aeroespacial Hyperloop TT.

Por: Paula Zaidan, ⌚ 13/09/2019 às 17h38 - Atualizado em 13/09/2019 às 17h40

A 29ª edição do GX, maior evento de tecnologia, inovação e negócios da América Latina, que é realizado pela GeneXus entre 23 a 25 de setembro no Radisson Convention Center, em Montevidéu, no Uruguai, reunindo mais de 30 países, e traz o tema GX29 Builders. O encontro deste ano tem o objetivo de celebrar a natureza construtiva do software.

 

De acordo com o CEO da GeneXus, Nicolás Jodal, o mundo em que vivemos demanda, cada vez mais, produzir software de maneira rápida e inteligente. “Dada a quantidade imensurável de dados e a velocidade de nossos tempos, desenvolver a melhor tecnologia é uma tarefa titânica. Nosso desafio é coletar esses dados e confiar nas possibilidades da inteligência artificial, juntamente com seus sensores e algoritmos cada vez mais inteligentes, para construir empresas e uma sociedade que tome as melhores decisões”, explica Jodal.

 

O GX29 Builders abordará questões relacionadas à convergência da Inteligência Artificial, da Realidade Aumentada e da IoT na construção de negócios inteligentes para inovar, desenvolvendo aplicativos e soluções de negócios que ajudam as empresas a serem mais produtivas e concentrar-se no que realmente importa: criar e construir mais e melhores negócios no contexto digital.

 

 

Para o country manager da Genexus no Brasil, Ricardo Recchi, a realidade mostra um contexto em que coisas fixas e imutáveis ​​deixaram de existir para dar origem a um estado dinâmico, no qual tudo muda constantemente. “Nossa sociedade atual está consolidando essa nova arquitetura de algoritmos Deep Learning e sensores que trazem sentidos de percepção para a Inteligência Artificial. A realidade e o digital se retroalimentam: a realidade se converte em dados digitais e, a partir do digital, emerge uma nova realidade tangível, transformada em uma materialidade mais inteligente, que integra o software. A transformação digital é um fato”, finaliza Recchi.

 

Bibop G. Gresta, co-fundador e presidente da Hyperloop TT, abordará um projeto inovador de transporte aeroespacial. Também estarão presentes o influenciador tecnológico Eliax; o uruguaio Alejandro Urrutia, fundador da Snapp e ex-diretor de design de empresas como DJI e Huawei; Fernando Brum, da Agência Nacional de Pesquisa e Inovação ANII; Sylvia Chebi, da ThalesLab, Daniel Fernández Koprich, da Memética Chile, Roberto Icasuriaga e Eduardo Mangarelli, ambos da Microsoft Latam, Alberto Oppenheimer, da SAP, além dos diretores da GeneXus, Nicolás Jodal e Breogán Gonda.

 

“No ano passado, anunciamos a 16ª versão do GeneXus. Esse ano vamos nos concentrar nas evoluções de tecnologia e na construção de software. Temos cada vez mais incorporado boas práticas para que o software desenvolvido sob a plataforma do GeneXus”, comenta Jodal.

 

Ele avalia que a tendência é é intensificar o uso de IA, estamos investindo em plug ins em IoT. “O mundo de mobilidade e web está avançando cada vez mais. Hoje estamos trabalhando para incorporar alguns frameworks de mercado à nossa engenharia de software”, destaca.

 

Para ele, o GeneXus contribui muito para a transformação digital, uma vez que o  desenvolvimento de software manual gera grandes consequências para a velocidade como o mercado tem se reinventado. Além disso, há poucos profissionais no mercado e o universo de low-code, com um desenvolvedor GeneXus, permite o desenvolvimento como se tivesse uma equipe com cinco profissionais. “Portanto, o GeneXus será um grande habilitador da transformação digital”.

 

>> Destaques